Beam me up, Scotty: Teletransporte poderia tornar-se realidade? - Olho Solitário
Navigation

Beam me up, Scotty: Teletransporte poderia tornar-se realidade?

teletransporte, Star Trek, universidade, Delft, Holanda

Star Trek-style'' irradiando-se'' de pessoas através do espaço pode se tornar realidade em algum momento no futuro distante, o líder de um teletransporte experimento marco disse.

Nada nas leis da física impede o teletransporte de objetos grandes, incluindo seres humanos, Professor Ronald Hanson apontou.

Em contraste, é fisicamente impossível para qualquer coisa de viajar mais rápido que a luz.

'' O que estamos teletransporte é o estado de uma partícula,'' Prof Hanson, da Universidade Tecnológica de Delft, na Holanda, disse.

'' Se você acredita que não somos nada mais do que uma coleção de átomos amarrados juntos de uma forma particular, então, em princípio, deve ser possível para nos teletransportar de um lugar para outro.

'' Na prática, é extremamente improvável, mas dizer que nunca pode trabalhar é muito perigoso.

'' Eu não descartá-la, pois não há nenhuma lei fundamental da física prevenção.

'' Se ele algum dia acontecer será muito no futuro.''

A equipe do Prof Hanson mostrou pela primeira vez que era possível de se teletransportar informação codificada em partículas sub-atômicas entre dois pontos três metros de distância com 100% de confiabilidade.

A manifestação foi um primeiro passo importante para o desenvolvimento de uma rede de internet-como entre os computadores quânticos ultra-rápidos, cujo poder de processamento supera o de supercomputadores de hoje.

Teletransporte explora a maneira estranha'''' enredado partículas adquirem uma identidade mesclado, com o estado de uma influenciando a outra instantaneamente, não importa o quão longe eles são.

Dando uma partícula um'' up'' rotação, por exemplo, pode sempre dizer o seu parceiro tem um emaranhado'' para baixo'' spin - teoricamente, mesmo que ambas as partículas são em lados diferentes do universo.

Albert Einstein descartou emaranhamento, chamando-o de'' ação fantasmagórica à distância'', mas os cientistas têm demonstrado repetidamente que é um fenômeno real.

No experimento do professor Hanson, três partículas entrelaçadas - um átomo de nitrogênio trancado em um cristal de diamante e dois elétrons - foram utilizados para transferir informações de spin uma distância de três metros.

Quatro estados possíveis foram transmitidos, cada um correspondendo a um qubit'''', o equivalente quântico de um'' pouco'' digitais.

Cada bit'''' de informação num computador clássico representa um de dois valores, normalmente zero ou um.

Mas um'''' qubit pode representar um zero, um, ou uma sobreposição'''' de ambos os estados, ao mesmo tempo.

A pesquisa foi publicada na última edição online da revista Science.

Prof Hanson disse:'' A principal aplicação do teletransporte quântico é uma versão quântica da internet, estendendo uma rede global que podemos usar para enviar informação quântica.

'' Nós mostramos que é possível fazer isso, e ele funciona cada vez que você tentar.

'' Ele fornece a primeira pedra do futuro internet quântica.

'' Uma aplicação mais próxima de uma aplicação na vida real é a comunicação segura.

'' O que você está fazendo é usando emaranhamento como seu canal de comunicação.

'' A informação é teletransportado para o outro lado, e não há nenhuma maneira qualquer pessoa pode interceptar a informação.

'' Em ​​princípio ele é 100 por cento seguro.''

Um experimento mais ambicioso, que envolve o teletransporte de informações entre os prédios do campus da universidade 1.300 metros de distância, está prevista em julho.

Espera-se que isso vai responder principal objeção de Einstein para o teletransporte, a possibilidade de que um sinal passa entre partículas entrelaçadas na velocidade da luz.

'' Eu acredito que ele vai trabalhar'', disse o professor Hanson.

'' Mas é um enorme desafio técnico - há uma razão por que ninguém fez isso ainda.''

Fonte: http://2045.com/


Share

Lúcio Soares

Gosto de pesquisar sobre variados assuntos e principalmente aqueles que a grande mídia não divulga. Desde o inicio com o Blog Olho Solitário tenho aprendido muito e sei que na busca da verdade não estamos sozinhos.

O que achou? Comente aqui:

0 comentários:

Aqui você é livre para comentar. Obrigado pela visita!