Em Tuitter apresentador global convida as brasileiras para ir a carça de um principe grigo (prostituição) - Olho Solitário
Navigation

Em Tuitter apresentador global convida as brasileiras para ir a carça de um principe grigo (prostituição)

Luciano Huck, campanha, prostituição, Twitter


O Conversa Afiada reproduz texto irretocável do Muda Mais sobre outra do Luciano …

Príncipe gringo?! A gente prefere estudar! #NaoMeAjudaLuciano

Ontem, no final da tarde, Luciano Huck gerou polêmica ao tuitar o novo quadro do Programa Caldeirão do Huck.

O tuite em questão é esse: >>>> “@LucianoHuck Ta no Rio? Solteira? Quer 1 príncipe encantado entre os “gringos” q estão na cidade. Mande fotos e o pq; namoradaparagringo@globomail.com”

Reparem na escolha do email: namorada para gringo. Como assim, gente?

O que nos surpreende não é o formato “arrume um namorado” – que de original não tem nada -, mas a ausência de qualquer reflexão sobre o fato de o Brasil ser tido como um dos principais destinos para turismo sexual, sem contar a exploração sexual de crianças e adolescentes e o tráfico de pessoas para fins sexuais.

O que nos assusta é que não se trata de um programa de namoro simplesmente – como já vimos muitos. Mas como pode um apresentador de grande alcance na mídia brasileira, com um público muitas vezes adolescente, vender a ideia de “príncipe encantado estrangeiro” desconsiderando toda a luta nacional para o combate à exploração sexual de crianças e adolescentes e a situação de cuidado especial que grandes eventos proporcionam?

O governo fez uma série de ações justamente para coibir exploração sexual durante a Copa do Mundo, incluindo aplicativos para notificação automática, e estamos todos de olhos abertos para a violência contra as mulheres.

Ei, Secretaria de Direitos Humanos, Unicef, Onu Mulheres, e outros órgãos internacionais, convidamos vocês a darem uma olhadinha nessa matéria e esperamos que façam algo pra impedir que esse programa vá ao ar. Nada contra o Luciano – quer dizer, mais ou menos – mas tudo contra esse absurdo de expor mulheres, seja na rua, dentro de suas casas, seja em rede nacional.

Situação presente em todo o mundo e que atinge milhares de adolescentes brasileiros, a exploração sexual é uma prática comum e cri-mi-no-sa, conforme código penal brasileiro, podendo gerar até 3 anos de reclusão para o envolvido.

Também está ainda presente o habitual viralatismo local. Luciano não só propõe ajudar garotas a encontrar um ~príncipe encantado~ como sugere que tem preferência pra que o cargo pretendido seja ocupado por um ~gringo~ /o\ /o\ /o\.

Quando essa matéria foi ao ar, Luciano Huck já havia tirado o post de seu Facebook, mas até o momento mantém o tuíte em sua página oficial no site em questão. Vale lembrar ao Luciano, que a memória da internet e o que é colocado nela não pode ser facilmente deletado. Hoje, com todos os recursos da rede, não é preciso muito pra fazer um simples e prático print-screen.

 
O Brasil Post começou uma campanha interessante, e o Muda Mais engrossa o coro: #nãomeajudaLuciano
 

Fonte: http://www.conversaafiada.com.br/


Share

Lúcio Soares

Gosto de pesquisar sobre variados assuntos e principalmente aqueles que a grande mídia não divulga. Desde o inicio com o Blog Olho Solitário tenho aprendido muito e sei que na busca da verdade não estamos sozinhos.

O que achou? Comente aqui:

0 comentários:

Aqui você é livre para comentar. Obrigado pela visita!